Notícias

Com vida e carreira ligadas ao Guarani, Thiago Carpini recebe título de cidadão campineiro: “Lisonjeado”

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020

Foto: Câmara de Campinas

Atleta do Guarani entre os anos de 2014 e 2016 e treinador da equipe desde a última temporada, Thiago Carpini viveu uma noite especial na última quinta-feira (13). Natural de Valinhos (SP), cidade vizinha de Campinas, o técnico foi homenageado pela Câmara Municipal com a honraria de “cidadão campineiro”.

A condecoração foi proposta do vereador Marcelo Silva (PSD). De acordo com a Câmara Municipal, o título é concedido “a nascidos fora de Campinas que tenham se destacado por relevantes serviços prestados ao município”.

“É uma sensação muto bacana, do reconhecimento de um trabalho. A cidade de Campinas faz parte da minha história como atleta, hoje como treinador, mas também como ser humano. Foi um lugar que frequentei bastante durante a minha infância e adolescência, até pela proximidade com Valinhos. Tenho muitos amigos aqui, meu filhos estudam na cidade. Então fico muito feliz em poder sentir que fiz algo pelo Guarani e pela cidade de Campinas. Poder fazer algo por um clube de tanta representatividade e tradição me deixa lisonjeado”, destacou Carpini, que até aqui soma 26 jogos à frente do Bugre.

O treinador também ressalta a importância do Guarani na sua trajetória. “A minha relação com o Guarani é muito antiga. O Brinco de Ouro foi o primeiro estádio de futebol onde fui quando criança e cheguei a fazer testes nas categorias de base do clube. Grande parte da minha família é bugrina e eu sempre fui por esse lado. Quando criança, sonhava em um dia jogar pelo Guarani, mas nunca pensei que seria treinador do clube. Eu não imaginava que essa transição seria tão rápida. Tenho uma relação de muito amor e carinho com esse clube, que me abriu muitas portas e a quem devo muito. O Guarani me proporcionou muitas coisas e eu procuro retribuir da melhor maneira possível para deixar um legado aqui. Fui atleta do Guarani entre 2014 e 2016, em um momento bem difícil da história do clube. Enfrentamos muitas dificuldades financeiras, mas graças a Deus as coisas aconteceram e o clube vem se reorganizando cada vez mais. Eu fico feliz em poder fazer parte deste processo e contribuir de alguma forma”, disse o profissional.

Com oito pontos somados em cinco jogos, o Guarani lidera o grupo D do Campeonato Paulista. Após livrar o Bugre do rebaixamento na Série B ainda como interino, Carpini valoriza o bom início na sua primeira temporada como treinador efetivo da equipe alviverde. “Avalio este início de temporada de maneira positiva. Acho válido enaltecer o que o nosso grupo tem feito, o nosso desempenho, a união e o respeito do elenco. Conseguimos resgatar a identidade do Guarani, que é um time técnico, que costuma propor o jogo e é muito forte no Brinco de Ouro. Temos conseguido trazer isso desde o ano passado, quando garantimos a permanência na Série B. Fico feliz por este bom início de temporada como treinador efetivo e espero que consigamos cumprir todas as metas traçadas”, concluiu.


Notícias relacionadas